Este fim-de-semana traz à tona vários tipos de conflito e dificuldades e toda a atenção é pouca para não responder irreflectidamente a impulsos que provoquem situações e respostas onde fiquemos a perder. Tanto no Sábado como no Domingo, a comunicação, as viagens, a contabilidade e todo o tipo de troca de informações são o foco das nossas energias com Sol e Mercúrio conjuntos em Gémeos. Mas, um quadratura de ambos a Neptuno em Peixes é o primeiro aspecto que confunde tudo, tanto o que dizemos como o que percebemos como se consciência e razão não estivessem alinhadas. O segundo aspecto que complica essa comunicação é o sesquiquadrado de Mercúrio a Marte em Aquário que faz com que toda a expressão ou afirmações públicas se traduzam em argumentos e mesmo conflitos, sem que se consiga sair dos impasses assim criados. Isto é reforçado pelo quincúncio do Sol a Plutão em Capricórnio que faz com que o se que diz seja sentido como ameaça e só com grande serenidade não se vá pelo caminho da manipulação, respostas obsessivas e compulsivas.
Neste pano de fundo de todo o fim de semana temos no Sábado a Lua em Carneiro a fazer quadratura a Plutão e a Vénus intensificando das as respostas instintivas e a levar-nos a situações de conflito e no domingo enquanto no Domingo a Lua faz conjunção a Urano em Touro o que leva a surpresas ou rupturas derivadas da tensão vivida. Apenas pela tarde de domingo um trígono da Lua a Saturno em Capricórnio estabiliza as emoções. Pensar antes de falar sobre o que se pretende realmente a longo prazo reduz bastante os riscos de discussões inflamadas.

Anúncios