É pela tarde que sentimos os constrangimentos e necessidade de fazer certos acertos às relações pessoais, financeiras ou mesmo jurídicas depois, de pela manhã, termos sem esforço dado algum impulso ao que temos em mão.  O facto é que temos de ir mais longe, ser mais abrangentes e inovadores mas isso não pode ser feito à custa do equilíbrio das relações existentes. Há regras a respeitar ou burocracias a seguir e por muito penosas têm de ser seguidas, com a Lua depois de almoço GMT a entrar em Balança e a fazer quadratura a Saturno em Capricórnio depois de um trígono a Marte enquanto em Virgem e antes de esta passar do Capricórnio para Aquário. Saturno em Capricórnio está ainda em trígono a Urano em Touro a permitir o investimento a longo prazo em valores diferentes, novos e a presença em Escorpião, de Vénus, regente do Touro e da Balança, sextil a Saturno, é mais um sinal claro de que devemos ir ao fundo das questões e ver aí a oportunidade de reformular os objectivos. Mudar é possível, é desejável, apenas tem de ser orientado com clareza e sentido de oportunidade.

Tela de Marc Chagall

Anúncios