Sábado e Domingo 9-10/3/19 – Encarar contradições

Há algumas contradições a encarar este fim-de-semana em que oscilamos entre acção e imobilidade, libertação e tradição. Qual das opções escolher ou como as conciliar exige um exercício sério de avaliação do que nos dará segurança emocional a longo prazo e de como conciliar incertezas com sentido prático. Temos ainda de ter a compreensão de... Continue Reading →

Fim-de-semana 13,14/2/16- Um amor que se veja

Satisfazer os sentidos, sentir-se seguro, ir devagar saboreando o conforto e graças do momento é o que mais conta este fim-de-semana de Lua em Touro. É também o Dia dos Namorados e o que interessa mesmo é a solidez do namoro que, com esta Lua tem de se materializar em qualquer coisa que seja um... Continue Reading →

Quarta, 31/12- Fechar o ano com moderação

É importante neste final de ano sentirmo-nos em segurança, fazer planos concretos, conversar com seriedade sobre os desejos de futuro, sempre na perspectiva realista de quem deseja ganhar terreno, desenvolver recursos, ancorar valores. A Lua em Touro neste último dia de 2014 faz trígonos a Plutão, Mercúrio e Vénus em Capricórnio o que garante a... Continue Reading →

Quinta, 9/10- Impossível controlar tudo

Continua a ser preciso integrar independência e concertação, o masculino e o feminino, conflito e apaziguamento porque tudo o que partilhamos ou queremos partilhar parece fugir ao controlo desejado mas não podemos responder bruscamente e temos sim de encontrar o meio termo entre nós e os outros. Tudo isto esteve exacerbado nos últimos dias já... Continue Reading →

Sábado, 13/11- Monólogo ou diálogo?

Hoje é daqueles dias em que temos de esperar o inesperado, em que se confrontam monólogos e diálogos, o razoável e o radical, acordos e desacordos, a paz e a guerra. Podemos ter rasgos súbitos de compreensão do que pretendem de nós ou fazer curto-circuito e estoirar o entendimento. Revelações transformadoras ou informações conflituosas, são perspectivas possíveis... Continue Reading →

Quarta, 2/4- Subitamente, outra ordem…

O fogo corre nas veias e os impulsos revelam novas verdades. De súbito, urgentemente, com surpresa, pôe-se termo a uma velha ordem e abrimo-nos para outra. Não faltam oportunidades para descobrirmos a pólvora, fazê-la explodir ou ser apanhado por algum estilhaço. Libertam-se as tensões, o desejo pessoal impera e com zanga, excitação ou acidentalmente mudam os... Continue Reading →

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: