Pesquisar

Céus!!! Rosita Iguana

Os Astros dia a dia

Etiqueta

Lua conjunta a Saturno

Quarta, 3/2/16- Regras para tudo

Regras, regras, regras. Para se poder avançar há que aceitar regras e princípios a longo prazo, planear o futuro, deitar contas à vida e descobrir como fazer diferente para vir a ter os resultados desejados. Os trânsitos de hoje, com a Lua em Sagitário em conjunção a Saturno, sextil ao Sol, quadrado ao Quiron e trígono a Urano mostram que todo o entusiasmo tem de ser esfriado á luz das obrigações do passado que falta cumprir e da clarificação das consequências a termo, para podermos ter um lugar no mundo – apesar da insatisfação que vai sempre deixar- , com base numa saída libertadora mas bem estruturada. Disciplina, trabalho atento e um propósito de serviço garantem, com o Sol sextil a Saturno e Júpiter conjunto ao Nódulo Norte, mais hipóteses de sucesso do que o conflito descarado da quadratura do Sol a Marte. Mas, com Vénus a avançar para a conjunção a Plutão e quadratura a Urano, algo vai ter que mudar nas relações e no que valorizamos- sempre com regras.

A fotografia é do russo Aleksander Rodchenko  1891 – 1956.

astro_w2gw_28_carta_do_dia.49212.42459

tumblr_n3gyjgovIZ1tvbv2ko1_1280

 

Anúncios

Quinta, 10/12/15 – Sentimentos contraditórios

Volatilidade e repressão emocional, irritabilidade e necessidade de controlo, impaciência, impulsividade, explosões de toda a natureza que se deparam com limites reais à expressão dos sentimentos são o programa do dia com a difícil oposição de Marte em Balança a Urano em Carneiro a transformar em batalha pessoal ou relacional a necessidade de exprimir o que queremos dos acordos existentes e a Lua em Sagitário, conjunta a Saturno e forçar uma avaliação fria e madura dos princípios que têm de orientar a vontade. O motor do querer é um sentimento apaixonado e idealizado simbolizado por Vénus em Escorpião em trígono a Neptuno em Peixes. O desejo mistura-se com sonho e vontade e não quer ser travado por força alguma. No entanto, quaisquer confusões ou idealizações são rapidamente submetidas ao colete de forças representado por Saturno em Sagitário que obriga a moderação, à estruturação das ideias, à definição de regras de actuação que a todos beneficiem, como princípio geral. Assim, os ímpetos egoístas, as acções individualistas que não tenham em consideração o quadro geral a longo prazo resultam necessariamente em frustração. A entrada hoje de Mercúrio em Capricórnio obriga-nos a falar a sério e a debater como se pode governar os processos de mudança em curso.

A fotografia é do francês Henri Cartier-Bresson.

astro_2gw_28_carta_do_dia_hp.38251.51310

henri_cartier_bresson_20

Sábado, 19/9/15- Arrumar assuntos, pensar no longo prazo

Este sábado podemos tomar iniciativas cujo objectivo seja o de pôr ordem em casa, nas emoções, nas ideias que queremos vir a desenvolver a longo prazo. Há acordos e relações que precisam de ser revistos ou que estão já a ser repensados mas isso não impede que haja acção e preparativos para pôr em marcha mudanças na organização das coisas. A capacidade de trabalho e serviço vem hoje do semi-sextil do Sol em Virgem a Marte em Leão, enquanto as conversas para redefinir posições negociais derivam de Mercúrio retrógrado em Balança. A Lua em Sagitário, conjunta a Saturno, quadrada da Júpiter e a Neptuno é o aspecto que nos força a concentrar as energias, sem fantasias nem esbanjamentos, para arrumar ideias, assuntos domésticos ou familiares e procurar uma perspectiva a longo prazo. Júpiter em Virgem oposto a Neptuno em Peixes permite ir buscar ao inconsciente a inspiração para darmos o máximo de nós próprios, com um máximo de eficiência.

astro_w2gw_66_carta_do_dia.68104.56818

 

11037562_852839888117762_5004984368029189603_n

Sábado e Domingo, 27/6/15- O que controlamos e onde abrimos mão

Este fim de semana tem de ser visto como um todo e não podemos separar o que acontecer no sábado dos desenvolvimentos de domingo e aberturas de segunda-feira. A Lua vai estar sempre em Escorpião, ligando-nos intensamente à busca de controlo das situações, em particular de tudo o que envolver mais do que uma parte, sexo, empréstimos, heranças, poder e situações de vida e de morte que partilhamos com a humanidade inteira. Receamos perder a mão e é isso que intensifica o desejo escorpiónico de controlo. Como a Lua na manhã de sábado faz trígono a Marte e ao Sol em Caranguejo procuramos com esse controlo garantir a segurança do que é nosso, procuramos em casa, na família, país, as raízes ou águas primordiais a defender. O trígono a Neptuno ilumina com idealismos ou ilusões o que poderia parecer a simples defesa de instintos básicos. Essa tensão emocional quanto ao domínio que temos das situações acaba por ter de se submeter, no domingo à noite a uma conjunção a Saturno em Escorpião, quincúncio a Sol e Marte- significa isto que vamos ter de ceder a forças maiores, aceitar responsabilidades e custos, principalmente de ónus e encargos materiais ou dependências emocionais antigas, que estão sob revisão devido à retrogradação do planeta da estrutura e do tempo. Acatar os custos, perder medos e abrir novo ciclo noutras bases é o resultado desejável que é corroborado por dois outros. O primeiro é a quadratura todo o fim de semana do Sol ao Nódulo Norte em Balança, o que significa uma grande tensão entre o que nos é essencial e o que é preciso negociar e deixar para trás. Sábado e domingo, este aspecto faz com que tenhamos que re-avaliar as bases de segurança que estamos a querer defender e a reformular objectivos de forma a poder chegar a acordos ou novos equilíbrios. O segundo aspecto é a conjunção de Venus, regente da Balança, a Júpiter em Leão e seu trígono a Urano em Carneiro. Para haver acordos tem de haver soluções criativas em que o amor-próprio se possa exprimir e para lá chegar o quincúncio de Mercúrio em Gémeoas a Plutão em Capricórnio leva-nos ao fundo das questões para que encontremos uma oportunidade de ter um outro olhar, uma outra análise que permita as transformações estruturais, a nova organização de vida pessoal ou colectiva que no fundo temos receado adoptar. Mais uma etapa de mudança, as consequências próximas vêm já em breve quando o Sol fizer oposição a Plutão por volta do dia 7 de Julho.

A imagem é do filme ” In a Lonely Place” de Nicholas Ray, 1950, com Humphrey Bogart e Gloria Grahame.

astro_w2gw_66_carta_do_dia.44440.1205

Gloria Grahame and Humphrey Bogart in Nicholas Ray's IN A LONELY PLACE (1950). Courtesy Sony Pictures Repertory/Film Forum. Playing 7/17-7/23.
Gloria Grahame and Humphrey Bogart in Nicholas Ray’s IN A LONELY PLACE (1950). Courtesy Sony Pictures Repertory/Film Forum. Playing 7/17-7/23.

Terça, 5/5/15- Resfriar emoções, preparar transformações

Depois da intensidade dos últimos dias, hoje é tempo de resfriar emoções, controlar palavras e pensar o que é que é de facto importante e verdadeiro, a longo prazo. É pela tarde, GMT, que começamos a ter a capacidade de nos distanciarmos das nossas pulsões e ver com alguma filosofia a razão e ordem natural das coisas. Isto com a Lua a sair de Escorpião, entrar em conjunção com Saturno em Sagitário depois de uma oposição a Marte e antes de uma oposição a Mercúrio. Há que pôr em contexto essa necessária frieza e capacidade de organização de planos de expansão: Continuamos sob a quadratura de Urano a Plutão que está na origem das grandes transformações estruturais em curso, estamos também todo o ano, sob a quadratura de Saturno a Neptuno que nos obriga a distinguir fantasia, realidade e verdadeiros princípios condutores e estamos até ao Verão com Júpiter em Leão a excitar o ego, coisa que dificulta o objectivo a atingir que é o de se chegar a novos equilibrios na gestão das coisas, seja em casa seja no mundo, seja nas contas, devido ao trânsito do Nódulo Norte em Balança. Neste quadro, hoje com a cabeça mais fria, a rever projeções, -devido a conjunção da Lua a Saturno em Sagitário,- podemos dar passos que terão impacto transformador nas estruturas de que dependemos porque o Sol em Touro estimula a concretização e o seu trígono a Plutão e semi-sextil a Urano hoje e nos próximos dias é o dínamo para que aconteça aquilo que temos vindo a preparar e em que acreditamos. No entanto, os aspectos da segunda metade de Maio pedem que estejemos preparados para atrasos e confusões com Mercúrio retrogrado em Gémeos a activar uma quadratura a Neptuno e Marte em oposição a Saturno a fazer-nos sentir sob grande pressão.

A tela é do pintor norte-americano Norman Rockwell 1894-1960

astro_w2gw_75_carta_do_dia.56247.56696

norman-rockwell-ftr

Quarta, 8/4/15- Sentido prático e novos horizontes

O sentido prático é o que nos deve hoje guiar, sem nos irmos abaixo com limitações, mas seguros de quem somos. Aliás, desde hoje e até meados de Agosto, temos a ajuda de Júpiter agora directo em Leão, para alimentar o sentido de identidade, criatividade, amor próprio. Poderia haver riscos de inflação do ego, narcisismos, ou optimismo descabido mas acontece que Saturno está retrógrado em Sagitário, signo regido por Júpiter e essa presença e moção é mais do que suficiente para impôr limites e responsabilidades à ideia de quem somos e onde queremos ir. Assim, hoje, com Júpiter a entrar directo e a Lua conjunta a Saturno em Sagitário temos de encontrar o meio termo entre o empolgamento e a contenção, reduzindo o fluxo das emoções a uma postura sóbria e pragmática sobre como sermos nós próprios, de forma madura. O mais provável é termos alguma revelação, ou porque intuímos o caminho ou  as iniciativas em que devemos apostar ou porque nos fazem alguma surpresa à qual temos de reagir com o máximo de juízo. Seguro é que há novidade no ar, seja porque a procuramos seja porque vem ter conosco, sem convenções, com riscos, mas impossível de ignorar, na senda de todas as transformações que temos vindo a viver em particular desde meados de Março. É Mercúrio conjunto a Urano depois de ontem ter feito quadratura a Plutão que traz a electricidade ao dia, pela comunicações e contactos e pelo estímulo à vontade de disparar em todas as direções. Dominar ímpetos e transformar a irritabilidade em acção inteligente é a melhor forma de lidar com este trânsito, ao mesmo tempo que afinamos pragmáticamente a verdade que queremos viver.

astro_w2gw_125_carta_do_dia.56098.31064

Create a free website or blog at WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: