As disputas verbais, zanga ou mesmo palavras violentas podem hoje mais facilmente explodir com uma série de aspectos de Mercúrio que nada têm de ameno.  Divididos entre a razão e a vontade queremos medir forças, impôr a nossa visão, agir em verdade e combater qualquer contestação ou mesmo dúvida. Isto devido a um sesquiquadrado de Mercúrio em Aquário a Marte em Virgem. E como em simultâneo Mercúrio faz um semi-sextil a Plutão em Capricórnio, tudo se torna mais visceral, vem das entranhas e a expressão torna-se crua e passional para exprimir o desejo de soluções inovadoras e radicais que nos libertem do status-quo. Estes aspectos também não facilitam viagens ou relações comerciais.

Estamos também hoje polarizados entre a vontade de nos fundirmos sem resistência num algodão de afectos ou projectos financeiros ideais e a obrigação de analisar, verificar, atender de forma crítica aos detalhes envolvidos. Vénus em Peixes oposta a Marte em Virgem promove esta tensão de extremos que também se pode manifestar como um conflito entre o feminino e masculino em cada um de nós ou mesmo numa guerra dos sexos.

Os aspectos referidos de Mercúrio pedem domínio emocional e boa gestão das palavras  ou gastos enquanto a oposição Vénus Marte exige concertação de atitudes. Conseguido este equilíbrio, com o Sol em Aquário em sextil ao Nódulo Norte em Sagitário temos a oportunidade de alinhar a nossa posição com objectivos maiores que nos garantam segurança, devido à presença da Lua em Touro sextil a Vénus.

Atenção que pela hora do jantar, já a Lua entra em Gémeos em sextil a Urano. Rompe-se a rotina e as ideias, acontecimentos ou encontros surpresa abrem oportunidades inesperadas. Ficamos mesmo assim na dúvida se preferimos o passado ou o futuro, achando impossível conciliar os dois no presente…