Quarta, 20/6- Solstício: revelações, tensões e desejo de segurança

Dia muito intenso…. como aliás todos os que se avizinham até à Lua Cheia de 3 de Julho. O pano de fundo são as mudanças radicais na organização do que partilhamos com os outros. São inevitáveis e surpreendentes. A quadratura de Urano em Carneiro a Plutão em Capricórnio é a chave deste processo que em sete etapas ficará concluído em 2015. Na cena de hoje, os nossos receios, a nossa insegurança e o nosso apego ao que é nosso, seja casa, familia ou país estão no centro das nossas interações e reações. Esqueletos no armário, dividas escondidas, segredos bem guardados vêm a público e provocam respostas instintivas, compulsivas e naturalmente dolorosas. A ideia é libertamo-nos desses pesos e aliviar a carga para conseguir seguir novos rumos.  A Lua em Caranguejo a activar hoje a quadratura Urano/Plutão é o aspecto que estimula estas tensões.

A revelação de tudo o que é disfuncional nas relações pessoais, diplomáticas, políticas e  financeiras é catalizada ainda pelo quincúncio de Vénus retrógrada em Gémeos a Plutão em Capricórnio. São também os velhos problemas que se revelam irresolúveis e que exigem novas abordagens. A introspecção para avaliação de todas as pontas penduradas do que está por resolver é essencial para eliminar um máximo de “carma” que entrave desenvolvimentos futuros. A desintoxicação é necessária em todos os níveis e circunstâncias, pessoais ou colectivas.

No que diz respeito ao diálogo necessário à criação de novas condições de segurança e organização geral, temos de lidar em primeiro lugar com alguns entraves à comunicação ou sermos sujeitos a limites de exigência porque Mercúrio em Caranguejo está em quadratura a Saturno em Balança fazendo com os os parceiros não sejam sensíveis as nossas declarações de necessidade de apoio. Um trígono de Mercúrio a Juno ajuda-nos a falar do coração ou mostrar francamente as carências mas um sesquiquadrado a Vénus faz com que a resposta às emoções seja dada racionalmente e não traga garantias.

No final do dia, as 23.10 GMT, o Sol entra em Caranguejo no solstício de Verão, o dia mais longo do ano que activa mudanças de estação tanto externa como internamente. Passamos da energia mental de Gémeos para a emocional das primeiras águas do Caranguejo, as águas instintivas que nos fazem procurar refúgio no que nos é conhecido, tradicional, privado. Opomos-nos às exigências das estruturas de poder terreno do Capricórnio, estamos em tensão com a espontaneidade e espírito de iniciativa fogosa do Carneiro e com obrigatoriedade do respeito do equílibrio nos ares da Balança. Até à Lua Cheia o Sol irá num crescendo activar também ele a quadratura Urano/Plutão. Vamos  querer defender os nossos interesses pessoais, a nossa família, a nossa casa, o nosso país, as nossas raízes e tradições face a todas as alternativas  acima enunciadas. Em quincúncio simultâneo à Cabeça do Dragão, a resistência tem de dar lugar a novas formas de expressão que serão a raíz a longo prazo de novos paradigmas de segurança.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: