Rever contactos, informações, coisas a dizer e saber entrar em diálogo construtivo, sem enganar nem ser enganado é o melhor que temos hoje a fazer, com Mercúrio retrógrado em Gémeos, em trígono ao Nódulo Norte em Balança. Esta afirmação dos propósitos vem rodeada de algum idealismo, confusão ou dúvidas porque Neptuno em Peixes, inspirador ou mestre da desilusão, faz quadratura a Sol, Marte e Mercúrio em Gémeos, como se toda a nossa vontade de dizer, exprimir, contar, resolver, fosse velada por uma qualquer força que, mesmo para escrever poesia é preciso descodificar. Por isso o esforço do dia é esse – o de separar ilusão da realidade e conseguir fazer o gesto certo,  apresentar aos outros um discurso coerente que não tem que ser frio: a Lua em Sagitário, em trígono a Júpiter em Leão e a Urano em Carneiro, dá-nos a esperança de estar no caminho certo, num caminho que é o nosso e cujas responsabilidades são ditadas por Saturno, também em Sagitário, a exigir um esforço de irmos mais longe na definição dos princípios de vida que queremos realmente seguir. Depois, há que não sair da trajectória identificada. A entrada na madrugada de dia 4, da Lua em Capricónio vai revelar onde ainda há falhas na estrutura que queremos ou já estamos a construir.

A imagem é do filme ” Put your lips together and blow”, com Humphrey Bogart e Lauren Bacall

astro_2gw_75_carta_do_dia.56594.30338

bogiebacall

Anúncios