As emoções concentradas na casa, família, país, no que representa a fonte de segurança e também a opinião pública ou eleitorado é simbolizado pela presença da Lua em Caranguejo, hoje desde manhã e até à madrugada de segunda feira a fazer uma série de aspectos complexos que anunciam as tensões de mudança patentes terça e quarta feira que vem, quando o Sol activar os mesmos ângulos a Urano e Plutão.  Até as duas GMT, apesar da tensão que se sente entre o desejo de satisfazer o instinto e obrigação de racionalmente procurar respostas equilibradas, a ilusão, sonho ou ideologia dominam as emoções e a vontade agir com cuidado, com a Lua  primeiro em quadratura ao Nódulo Norte e Mercúrio retrógrado em Balança e de seguida  em trígono a Neptuno em Peixes e sextil a Marte em Virgem. De seguida e ao longo do dia e noite, a Lua vai fazer quadratura ao Sol em Balança, oposição a Plutão e quadratura a Urano, activando assim todas as tensões de mudança que desde 2012 têm vindo a criar uma nova ordem estrutural. Para complicar as coisas, Marte em Virgem está hoje e no decorrer da primeira metade  da semana em oposição a Neptuno em Peixes, o que torna muito difícil ter clareza na análise e agir de forma precisa. Só mesmo quando este aspecto se desvanecer, terminar a activação pelo Sol da quadratura de Urano a Plutão lá para quinta feira e Mercúrio entrar directo em Balança no dia 10 é que vamos ter clareza de propósito sobre as tensões que a Lua de hoje anima.

astro_w2gw_66_carta_do_dia.52017.2029

z

Anúncios