Trabalhar em conjunto ou separar as águas, agir em coordenação ou responder ao impulso individual é a grande oscilação do fim de semana, este sábado com o sentido crítico apurado pela vontade de mudar e uma facilidade maior em estabelecer diálogos, mesmo que seja para depois os romper. O Sol em Balança opõe-se a Urano em Carneiro até segunda feira, aspecto que faz sentir a todos a diferença entre o eu e os outros, a concertação e a independência, a paz e o conflito. A Lua em Virgem em quincúncio a Urano faz com que a percepção dos detalhes e análise da desorganização estimule ainda mais os golpes solitários mas há custos a pagar e são caros. Vénus em Virgem quadrada a Saturno ao mesmo tempo que Júpiter em Virgem faz trígono a Plutão é o sinal de que há que respeitar os limites existentes, princípios e objectivos a longo prazo para que se possa fazer mudanças estruturais eficazes. Tudo o que não respeite o interesse conjunto e as obrigações existentes acaba por ter consequências ou custos difíceis de encaixar.

astro_w2gw_66_carta_do_dia.24667.30684

arseneLupin_b

Anúncios