Como desejamos hoje ter certezas ou garantias de que a força que estamos a aplicar terá os resultados desejados a longo prazo….A semana começa difícil, com a Lua em Capricórnio, a avançar todo o dia em direcção a uma conjunção a Plutão e uma quadratura a Urano em Carneiro e ao Sol em Balança na terça-feira, ao mesmo tempo que Vénus, Júpiter e Marte em Virgem fazem trígono a Plutão e Mercúrio em Balança quincúncio a Neptuno em Peixes. Isto traduz-ze pela aspiração a que haja ordem, estruturas, poder controlado a longo prazo, uma ambição simbolizada pela Lua em Capricórnio que, quando encontra Plutão ao final do dia, é forçada a repensar tudo o que desejava, ir ao fundo das questões e procurar assumir o comando das novas circunstâncias, tudo como imensa intensidade, vontade, dedicação,  garra e atenção aos pormenores, graças ao trígono a Vénus, Júpiter e Marte em Virgem. Mas nada pode ser alcançado a sós. Mercúrio, regente da Virgem, o Sol e o Nódulo Norte estão em Balança e toda a nossa força vital, para o bem ou para o mal, melhor ou pior, tem de procurar equilíbrios com as outras partes em jogo. O problema é a falta de clareza nos diálogos, apesar de gradualmente esse processos estarem  tornar-se mais claros. Está a terminar o quincúncio de Mercúrio a Neptuno o que vai aliviando as dúvidas ou ilusões- mas hoje ainda não está tudo límpido… Essas confusões amanhã  terça feira com a quadratura da Lua ao Sol e a Urano vão por a descoberto as tensões nas relações. É um caminho ainda longo até á Lua Cheia de 27 de Outubro quando podemos esperar o culminar desta lunação, com o Sol já em Escorpião a fazer-nos renascer das cinzas e a Lua em Touro a levantar dúvidas sobre a solidez, meios e segurança do caminho tomado.

astro_w2gw_66_carta_do_dia.60477.40847

4308025134_180eab9c84_o

Anúncios