No sábado podemos sonhar que conseguimos mudar o mundo e que tudo o processo é facilitado pela intuição, contactos, gestos, vontade de regeneração. No entanto, a única coisa que podemos fazer é controlar os nossos próprios impulsos já que sem um projecto original, bem pensado, a longo prazo, nada avança – a Lua está em Escorpião em sextil a Plutão em Capricórnio e trígono aos planetas em Peixes Neptuno, Vénus, Quíron e Marte enquanto o Sol entra em Aquário com os seus regentes Saturno e Urano em trígono mas Marte em quadratura a Saturno.

No domingo é a viagem, o conhecimento, a abertura de horizontes que nos move mas temos de lidar com questões práticas de organização que tendem a frustrar o optimismo com que preferiamos olhar para as possibilidades que o mundo oferece. A Lua entra em Sagitário em sextil ao Sol em Aquário mas faz quadratura ao Nódulo Norte em Virgem, mantendo-se os restantes aspectos de sábado. Assim, depois de, no sábado, controlarmos as expectivas ou arrumarmos ideias, no domingo  podemos olhar para os detalhes de organização. Temos de seguida uma semana pela frente para preparar a Lua Nova de Aquário a 28 de Janeiro em que nos deveremos recolocar em relação ao passado.

Imagem: Planador dos irmãos Wright, 1903astro_w2gw_28_carta_do_dia-60808-3077 astro_w2gw_28_carta_do_dia-60823-3626

Anúncios