É um dia em que possibilidades, realidade e fantasia se confundem em discussões duras onde a lógica da vontade cega choca com a perspectiva de evolução da ordem em curso. Procuramos encontrar apoios em redor e para tal estamos prontos a apostar numa opção e no seu oposto, sem grande discernimento, contrariando mesmo o que seriam os nossos valores seguros. É Mercúrio em Carneiro, regido por Marte em Capricórnio, em quadrado a Plutão também em Capricórnio, este próximo de um trígono ao Sol, que causa toda a tensão entre o que dizemos que queremos e o que deveria fluir como possibilidade de transformação. Com este aspecto de Mercúrio a Plutão, as discussões podem pôr os nervos em franja, instigados também pela quadratura de Marte a Urano, aspecto que se prolonga até dia 22 e com outro aspecto tenso hoje que é o da quadratura da Lua em Aquário ao Sol em Touro. Porque essa Lua faz trígono a Vénus em Gémeos, tentamos, com simpatia, angariar apoios mas isso pode levar-nos oscilar entre opções o que também não traz estabilidade. No entanto, é para a estabilidade e valores seguros que devemos caminhar com a aproximação do trígono do Sol em Touro a Plutão. A próxima Lua nova em Touro e a simultânea entrada de Urano em Touro, dias 15 e 16 serão um ponto de viragem.

Imagem de Phildesignart

Anúncios