Mais um dia difícil em muitas podem ser as contrariedades e que pede paciência e controlo das emoções. A Lua entra em Caranguejo pela manhã, GMT levando-nos a procurar terreno seguro, casa, família, ninho, tradições ou lugares que emocionalmente não nos façam sentir ameaçados. Mas a Lua entra imediatamente em oposição a Saturno em Capricórnio, semi-quadratura a Mercúrio retrógrado em Leão, quadratura a Vénus em Balança e a Quíron em Carneiro e o sentimento será o de que não há segurança em nado nenhum, algo nos oprime, a conversa é superficial, as iniciativas não dão bom resultado e as palavras que nos saem da boca têm um efeito exactamente contrário ao desejado. O Sol e Mercúrio em Leão em quadratura a Júpiter em Escorpião também incitam a um dramatismo que nada resolve. Que fazer para não alimentar frustração e conflito? Mantem-se desde ontem um trígono de Vénus em Balança a Urano em Touro e um trígono de Vénus a Marte em Aquário, juntamente com o trígono de Júpiter a Neptuno em Peixes. É nisto que nos podemos concentrar para ultrapassar as dificuldades sentidas:  há que contribuir para um novo equilíbrio e justiça nas relações, aproveitar as oportunidades de dar novo valor ao que se tem – com a Lua pela manhã em sextil a Urano – e sonhar que é possível que tudo se resolva como sonhamos. Amuar é que não..

Anúncios