Atenção hoje aos excessos de confiança, principalmente ao final do dia. A sensação pode ser a que de tudo nos é permitido e que temos de revelar todo o nosso potencial de identidade mas os resultados podem não ser os esperados e acabarmos por ter de lidar com a tensão entre a pulsão e os limites estabelecidos. Ir longe de mais, dramatizar, expôr sentimentos, é a grande tendência do dia com a Lua em Leão em conjunção a Júpiter, opostos a Marte em Aquário. O quincúncio do Sol em Capricórnio a Júpiter em Leão é o que nos faz ter de encarar a necessidade de ordem face aos desejos de expansão e o quincúncio da Lua a Plutão leva-nos a confundir intensidade com desejo, desejo com amor e identidade com com poder. Orgulho e cegueira podem levar a erros de avaliação e más decisões mas este aspecto também permite, bem doseado, liderar multidões, ganhar eleições, ou ter muito mau perder….Um semi-sextil de Vénus e Mercúrio em Aquário a Neptuno em Peixes é o que nos inspira para comunicar ao mundo, o que sentimos, os ideais que nos movem, enquanto um paralelo de Mercúrio a Plutão pede o aprofundamento da conversa para que seja revelado o que ainda tem de ser mudado e também o que de facto nos é importante exprimir. Quíron em Peixes em quincúncio exacto ao Nódulo Norte diz que não podemos agir sózinhos e que temos de chegar a novos acordos para resolver feridas antigas, fazer novos contractos para solidificar o que de facto nos une.

A tela é do pintor mexicano Rufino Tamayo- 1899-1991.

astro_w2gw_125_carta_do_dia.58076.2364

Anúncios