O sentido prático, a noção de serviço, um olhar critíco sobre o que tem de ser feito, não só em geral mas sobretudo na atenção ao detalhe, são as armas com que hoje devemos encarar os desafios de pragmatismo e de definição do que é prioritário, a pensar no interesse e enquadramento a longo prazo. Há que cuidar do agora e do amanhã. Na saúde, em casa, no trabalho, na gestão do que é nosso e que a todos pode ser útil há, no entanto, que ter em atenção o risco de ser demasiado minucioso e perder a noção de conjunto ou demasiado critíco sem compaixão pelas emoções que tingem a compreensão dos factos. Mas há a oportunidade de, em conjunto, a dois, em sociedade, em acordo e harmonia encontrar novas bases de equilíbrio nas relações, nas contas, no ter e haver que procuramos justo e satisfatório. Estas tendências gerais devem-se à presença da Lua em Virgem em quadratura a Saturno e Sol conjuntos em Sagitário e em oposição a Neptuno em Peixes- a tensão entre o pormenor, o quadro geral a cumprir e o mundo ideal-  e ainda ao semi-sextil de Vénus em Balança ao Nódulo norte em Virgem-  onde também se encontra Júpiter,-  aspecto que permite lançar sementes que valorizam o entendimento na organização prática do que for o caminho de cada qual.

astro_w2gw_28_carta_do_dia.66387.4852

Copyright Imperial War Museum / Supplied by The Public Catalogue Foundation
Copyright Imperial War Museum / Supplied by The Public Catalogue Foundation
Anúncios