Ambição e trabalho trazem os maiores benefícios a quem se aplicar ao pormenor a levar por diante aquilo que há muito tem vindo a ser planeado. O objectivo é a segurança pessoal, o conforto emocional do que nos é conhecido e assegurar que estamos a viver a nossa própria verdade com contas certas, amores sérios, relações estáveis, negócios válidos em vez de uma vida projectada. Só interessa investir no futuro.  Para que tudo se concerte é necessário mais cuidado com o que se diz, como se analisa, sem deixar de ir ao fundo das questões. Continuamos sob os raios da Lua Cheia de ontem que hoje agora faz conjunção a Plutão em Capricórnio e trígono a Júpiter e ao Nódulo Norte em Virgem. É apaixona ou compulsivamente que deitamos mãos à obra para concretizar sonhos ou fantasias – com o sextil da Lua a Neptuno em Peixes – enquanto o quincúncio de Mercúrio a Plutão e Lua  – e a sua oposição a Saturno,  quadratura a Neptuno e a Júpiter e ao Nódulo Norte – reforça a obrigatoriedade de não perder o sentido do real: não podemos enganar os outros nem a nós próprios e também não podemos ir atrás da impaciência ou zanga do quincúncio de Marte a Urano. Um dia para tratar de assuntos com seriedade, a pensar no que será válido a longo prazo.

A imagem do Japão  é da Coleção Tsuchya Koistsu

astro_w2gw_28_carta_do_dia.56121.8927

Anúncios