Hoje podemos idealizar ser diferentes, fazer a diferença,  melhorar por dentro e por fora e… consegui-lo ou pelo menos dar passos nesse sentido. A  Lua está em Escorpião a acrescentar intensidade ao desejo de controlo dos processos de transformação, nossos e do que nos rodeia, num trígono a Neptuno em Peixes  que estimula a sensibilidade e projecção do ideal enquanto que um sextil a Plutão em Capricórnio promete resultados concretos, mudanças profundas nas estruturas de que somos feitos e de que dependemos. Em simultâneo, o Sol em Virgem está em trígono a Plutão, alinhando consciência e ego com a possibilidade e força de mudar, com controlo dos processos e atenção ao detalhes. Avançamos no sentido de uma avaliação do prazer e custo das relações com Vénus em Balança a aproximar-se de uma quadratura a Plutão, sempre pragmáticos com Saturno em quadratura a Neptuno.  Ou seja, estamos a querer ser melhores, viver melhor, ter melhores relações e nesse processo há coisas que temos que descartar por isso Mercúrio retrógrado em Virgem ajuda a rever métodos organização e sentido das formas de actuar. Podemos ainda não ver claro como devemos agir mas tudo se desenrola segundo uma lógica que nos leva passo a passo no sentido de soluções, viagens, descobertas, com Marte em Sagitário a aproximar-se na próxima semana de um trígono a Urano em Carneiro.

A tela é da pintora escocesa Patsy McArthur, cham-se “Breakthrough”

astro_w2gw_28_carta_do_dia.53121.10718

 

Anúncios