Pelas 18.54 GMT um eclipse da Lua em Peixes, oposta ao Sol em Virgem confronta-nos com a necessidade de dar respostas práticas às emoções, sensibilidade ou sonhos, organizar vida, saúde, trabalho, serviço conforme o que intuitivamente aspiramos, largar fantasias ou dependências que impedem o reconhecimento crítico do que há a fazer. Este eclipse de Lua Cheia leva ao rubro o que começou no eclipse da Lua Nova em Virgem no dia 1 de Setembro e que terá a 26 de Fevereiro do próximo ano, – noutro eclipse do Sol em Lua Nova em Peixes,- a conclusão de velhos hábitos e início de uma nova atitude em que a eficácia prima sobre outras considerações – já que o Nódulo Norte fará nessa altura oposição ao eclipse depois de ter estado conjunto ao eclipse de 1 de Setembro passado. Ou seja, entre este Setembro e Fevereiro do próximo ano, eclipses e Nódulos da Lua – para além de aspectos como quadratura a Saturno a 1 de Setembro, a Marte, hoje 16 de Setembro, toques a Quíron etc..são semáforos num caminho de transformação realista das nossas expectativas e projeções.
A ajudar nesse processo temos tido ao longo do ano – e até agora – a quadratura de Saturno em Sagitário a Neptuno em Peixes que estrutura ideias e projectos a longo prazo sem deixar que haja divagação ou dando forma à inspiração. Os toques a Quíron – como a conjunção hoje à Lua – levam-nos ser obrigados a tocar onde dói para identificar o que é projecção que deva ser abandonada. Também hoje a quadratura de Marte em Sagitário ao Sol em Virgem e à Lua em Peixes tem de ser usada como um instrumento inteligente de vontade para prosseguir nesse caminho de depuração de emoções ou ilusões supérfluas, com  ideias para tornar mais saudável e útil o corpo, a mente e o espírito de serviço. Definir objectivos, focar a atenção beneficiam ainda hoje do  trígono exacto de Marte a Urano em Carneiro e do  sextil de Marte a Vénus em Balança que levam-nos a encontrar novos caminhos, através do contacto com a pessoa certa para activar essa consciência e transformação.

eclip_lua_16_9

Anúncios