Por Clara Days:
Palavras-chave: estrutura; autoridade; regulação; realismo.
O Imperador é a figura paternal que orienta e decide. Dotado de elevado sentido de responsabilidade, a sua autoridade é natural e inquestionável. Ele representa o princípio masculino material, a visão realista da vida, enquadrada por valores e assim regulada. Assume-se como o chefe, dominando a natureza em favor da civilização; a sociedade é o seu território.
A sua presença e a sua intervenção inspiram segurança e estabilidade. É o símbolo da lei e ordem, que funcionam simultaneamente como limites e escudos protectores. O Imperador pede planeamento e estrutura, sem improvisos e com responsabilidade. A paternidade e a regulamentação legítima da vida estão personificadas neste Arcano Maior, o homem superior que se torna um quase-deus reinante.
Ele é o par natural da Imperatriz: enquanto esta representa o lado espontâneo, natural, terreno, o outro representa o lado calculado, organizado, pensado e reflectido. Quando o Imperador aparece no caminho pessoal de cada um, alerta-nos para olharmos mais para os outros, principalmente para aqueles pelos quais somos responsáveis – que tipo de relação com eles mantemos, como comunicamos e interagimos.
O Imperador é um símbolo de poder, de autoridade, mas também pode ser de arrogância e controlo. Há uma linha ténue a dividir estas duas posturas, que temos que tornar mais consciente, tendo em mente que autoridade não quer dizer autoritarismo. A autoridade é reconhecida e respeitada, enquanto o autoritarismo é temido e, na maior parte dos casos, odiado.
As representações visuais dos diferentes baralhos de Tarot sentam-no no seu trono, que pode ser apenas esculpido na rocha, ou mais adornado; às vezes mostram-no de pé, em pose que vai do tranquilo ao majestático. É geralmente apresentado como um homem maduro, de barbas brancas.
Vestido ou adornado de acordo com o seu papel social, a presença frequente de um escudo com a representação hieráldica duma águia, simples ou bicéfala, ou a presença da própria ave, conferem-lhe a autoridade dos grandes dirigentes de civilizações clássicas. Outros símbolos como o raio numa mão podem ser usados, associando-o aos deuses do Olimpo, em particular a Júpiter, ou a outras divindades capazes de lançar sobre a terra a autoridade dos céus. Por trás dele o cenário mais frequente é feito de áridas montanhas, seu domínio terreno.
Astrologicamente o Imperador referencia-se a Carneiro, signo cardinal de Fogo. A letra hebraica que lhe corresponde é TZADDI ou TZADIK, a fé do Justo. O seu título esotérico: O Chefe entre os Poderosos.
Esta semana teremos oportunidade de assumir a liderança e reforçar a responsabilidade, nos nossos projectos.
Sejamos ambiciosos, mas não obstinados; é importante planear, preparar a acção. Façamo-lo com segurança e dentro das regras, preocupando-nos sempre em acautelar os interesses daqueles por quem somos responsáveis.

Clara Days
Imagem: O Imperador, no Mystic Fairy Tarot

Anúncios