Com a Lua Nova de hoje abrimos um ciclo de honestidade e tomada de poder sobre quem somos, o que partilhamos, como idealizamos o controlo das situações e relações, como nos organizamos, sujeitando as preferências ao dever e responsabilidades. Intuição, razão e acção: é uma Lua Nova em Escorpião, depois de um ciclo lunar em que muito foi posto em causa : chegou nova fase para renascer das cinzas e tomar conta da vida, com sentido de futuro. A Lua está conjunta ao Sol e a Mercúrio, trígonos a Neptuno em Peixes, sextil ao Nódulo Norte em Virgem e a Vénus conjunta a Saturno em Sagitário. Marte e Plutão em Capricórnio, o primeiro em quadratura a Urano incitam à acção independente.

Pintura de Morris Graves, 1938

astro_w2gw_28_carta_do_dia-79188-42116

Anúncios