Há que exprimir o desejo, adquirir os bens, materializar o investimento, fazer acontecer o que desde finais de Novembro vemos como futuro e que só agora pode dar os primeiros passos para a concretização em Agosto, quando Júpiter em Balança estiver em quadratura pela terceira vez a Plutão em Capricórnio. Em simultâneo, hoje com a Lua conjunta a Marte em Touro, já em órbita de trígono a Plutão temos a força extra para tornar reais as transformações ou ganhos desejados que por volta de 5 e 6 de Abril próximo chegam a uma nova fase com Marte em trígono exacto a Plutão e Saturno a entrar retrógrado também até Agosto.

Assim, de hoje até dia 5 de Abril temos a responsabilidade de pensar bem o que queremos que aconteça e dar passos concretos nesse sentido, no respeito do equilíbrio das relações – Júpiter em Balança – evitando jogos de poder – Plutão em Capricórnio- para resultados que serão visíveis a partir de Agosto.  O quincúncio de Vénus em Carneiro ao nódulo Norte em Virgem faz sentir a tensão entre o tanto que se quer, por querer, e a necessidade de servir um qualquer propósito, levantando a questão ” Eu quero mas para que serve?” . Será essa resposta que condiciona Júpiter em Balança, regido por Vénus, na sua quadratura a Plutão, que faz colidir aberturas e controlos, contactos e segredos, relações amistosas e relações de poder. O que desejamos ou temos para dar na nossa relação com os outros tem de estar livre de projecções ou manipulações e servir um qualquer fito, utilidade, organização bem estudada. Regenerar e progredir, intelectual, profissional, financeira ou estruturalmente  virá com a entrada de Júpiter em Escorpião, regido por Plutão, em meados de Outubro.

São dias importantes para planear o Outono.

Anúncios