Tal como ontem é preciso continuar a mostrar o que se vale ou quanto valem os sonhos que temos, sem medo, com consciência das ambivalências, revelando um pensamento original, livre, de forma a resolver os sentimentos de injustiça ou carência que nos moem. É a Lua ainda em Leão mas hoje em trígono a Mercúrio e Urano em Carneiro assim como a Saturno em Sagitário que nos traz para o palco onde temos de ilustrar os desejos de Vénus em Carneiro, argumentando com Marte em Gémeos o nosso valor próprio e como o queremos amplificar, reformular, potencializar com um trígono crescente do Sol em Touro a Plutão em Capricórnio. O quincúncio do Sol a Júpiter retrógrado em Balança pede uma boa avaliação prévia dos acordos que é preciso rever para prosseguir o processo de transformação.

Anúncios