Como mostrar que valemos é o que hoje aspiramos, num desejo de reconhecimento pelo que somos, pela justiça e equilíbrio que demonstramos e pela clareza de ideias com que gerimos os nossos propósitos. A Lua está em Leão e o Sol seu regente em Balança, conjunto a Mercúrio, sextil a Saturno em Sagitário que também está em sextilha ao Nódulo Norte em Leão.  Estes são os aspectos construtivos do dia em que temos de lidar em simultâneo com a frustração da quadratura de Saturno a Marte e a tendência para dramatizar da quadratura da Lua a Júpiter em Escorpião. Ou seja, apesar de querermos ter o coração na boca, exprimindo verdades e anseios, nem tudo corre como queremos porque há regras ou forças maiores que reprimem a defesa de alguns pormenores e preferências.  Há que fazer o for preciso para, com a ajuda de sextil do Sol ao Nódulo Norte e do semi-sextil de Mercúrio a Marte, defendermos o que achamos justo sem ter que quebrar relações ou acordos. No fundo estamos a preparar a Lua Nova em Balança do próximo dia 19 em que haverá que fazer opções de fundo entre os parceiros que queremos guardar e os que terão de ser cortados porque essa Lua Nova conjunta ao Sol fará oposição a Urano em Carneiro, completando o processo que começou na Lua Cheia de dia 5.  É uma sexta-feira 13, para, sem superstição mas com atenção ao futuro, planearmos o que vai ter que em breve ser eliminado ou integrado.

Anúncios