São explosivas as energias hoje e amanhã já que as iniciativas espontâneas, as respostas instintivas, os desejos de acção  chocam com o sentido de evolução da ordem existente até que algo ou alguém ceda e se dê uma correcção dos impulsos, uma libertação dos entraves ou das condições de controlo possível. É a Lua em Carneiro, hoje e amanhã em quadratura a Plutão em Capricórnio e conjunção a Urano em Carneiro que activa emocionalmente os processos de transformação estrutural em curso, em casa, família, finanças, trabalho, sociedade, trazendo a necessidade  de abandonar padrões de reação que já não fazem sentido e surpreendendo-nos ou levando-nos a surpreender os outros com inversões de situações às quais, de seguida, vai ser necessário dar novo rumo. É de facto no domínio das relações que tudo se joga, seja a nível pessoal ou colectivo. A Lua em Carneiro é regida por Marte que está em trânsito em Balança e que rege também o Escorpião onde está o Sol, Júpiter e Mercúrio, foco, expansão e lógica do que se partilha nessas mesmas relações e cujo padrão tem necessariamente de mudar com trânsitos destes dias. Para forçar ainda mais os trabalhos de casa de aprofundamento dos mecanismos geradores de infelicidade uma quadratura de Saturno em Sagitário a Quíron em Peixes obriga-nos a navegar velhas feridas – porque as voltamos a sentir com toda a força – para descobrir onde podemos aliviar o nossa própria responsabilidade, descobrir o que não é mesmo culpa nossa e resolver situações de vítimas e atacantes com base na inteligência de quem somos, da nossa especificidade, sentido de vida amoroso, criativo, único, graças ao Nódulo Norte em Leão e ao semi-sextil de Quíron a Urano.  Em resumo, um final de semana duro em que o controlo das nossa vontade e reações pode ajudar muito a minimizar conflitos e danos.

 

Anúncios