Vamos fazer o que tem de ser feito porque há que cumprir expectativas e apostar em causas maiores, conscientes dos impactos, mesmo que doa ou que encontremos limites à paixão que nos move. Hoje Marte em Sagitário está em trígono a Urano em Carneiro o que permite ter iniciativas inovadoras, libertadoras, em que acreditamos e que sirvam o colectivo com a Lua em Aquário – regida por Urano – em sextil a Vénus em Carneiro. As dores e limites vêm da quadratura de Marte a Quíron em Peixes e da quadratura de Saturno em Capricórnio a Vénus em Carneiro.  Não podemos desistir mas temos de ter um plano para inverter o que não está bem, seguindo o sonho que nos inspira com o Sol em Peixes em trígono a Júpiter retrógrado em Escorpião.

j

 

Anúncios