Com cuidado para não esticarmos demasiado a corda, podemos esta sexta-feira de manhã fazer projectos inovadores que tenham por objectivo reciclar, transformar, regenerar condições existentes graças a um trígono da Lua em Sagitário a Urano em Carneiro e ao sextil de Júpiter em Escorpião a Plutão em Capricórnio. Mas há que ter atenção em primeiro lugar à lógica que vai presidir a esse processo de transformação e que não pode partir de espontaneidades porque  Mercúrio em Carneiro está retrógrado e em quadratura a Saturno em Capricórnio. Em segundo lugar temos de prevenir as consequências porque pela tarde a Lua entra em Capricórnio onde vai fazer conjunção a Saturno o que é a certeza de que vai custar pôr em ordem o que hoje fizermos com ligeireza. Ou seja, fazer diferente e ir mais longe sim mas pensar já no que vai ser preciso arrumar amanhã. Mas com Vénus em Touro a avançar para trígonos sucessivos a Saturno, Marte e Plutão em Capricórnio podemos concluir que daremos os passos certos no caminho de uma qualquer estabilização de valores que nos vai permitir novo arranque com mais segurança depois da Lua Nova do próximo dia 16.

Anúncios