Hoje é preciso ter um sentido sólido de serviço, um sentido de propósito, tentando não nos iludir com fantasias de salvador ou vítima, nem excessos de idealismo sobre o que estamos a fazer. O Sol está em Virgem em oposição a Neptuno em Peixes fazendo-nos oscilar entre optar pela gota de água ou pelo oceano mas de facto não nos podemos perder aí já que o Sol também faz trígono a Plutão em Capricórnio que está em sextil a Neptuno o que significa que devemos arranjar um modo prático para concretizar os ideais de forma a fazer transformações profundas na ordem das coisas, casa, trabalho ou política, atendendo em simultâneo ao detalhe das operações e ao seu objetivo em termos latos. Um grande trígono de Terra entre Mercúrio em Virgem, Saturno em Capricórnio e Urano em Touro é outro garante de que podemos ter resultados concretos, materializando soluções inovadoras. O único problema é o ego meter-se pelo meio e exagerarmos  a nossa prestação. A Lua em Leão em quadratura a Júpiter em Escorpião pode provocar excessos de confiança ou sentimentalismo que nada acrescentam ao potencial de realização do dia.

Imagem: pormenor de tela de Botticelli

Anúncios