A saída para as dificuldades do dia passa por falarmos com a razão e o coração a uma só voz e por acreditarmos na nossa capacidade de intervenção mesmo que esta choque com limites e poderes aparentemente inamovíveis. A Lua em Carneiro faz quadraturas a Saturno e a Plutão em Capricórnio pela manhã e é nesta altura que mais vamos sentir a frustração de querermos agir e depararmo-nos com  barreiras poderosas que nos impedem de afirmar quem somos e o que pensamos com toda a fluidez que o trígono de Marte em Leão a Júpiter em Sagitário estimula. O Sol em Leão em trígono a Quiron em Carneiro também é um incentivo a fazer o que nos satisfaz carências e insatisfações mas a aproximação de uma quadratura a Urano em Touro alerta-nos para a necessidade de inovar e apostar em defender coisas novas o que implica também adoptarmos uma nova imagem ou projecto pessoal. Todas as contradições e resistências caem por terra se unirmos coração e razão exprimindo com honestidade o que de facto é importante para a nossa segurança pessoal e sobre o qual temos estado a reflectir, com Mercúrio retrógrado hoje em conjunção a Vénus em Caranguejo. É para essa definição de um novo sentido de identidade em segurança que devemos apontar as nossas energias orientando-nos pelo Nódulo Norte em Caranguejo, em oposição a Saturno em Capricórnio: há que continuar a eliminar o gasto, ultrapassado, superficial e faz-lo com lógica e compaixão dado o trígono do Nódulo Norte a Neptuno em Peixes.