Estamos dispostos a grandes gestos, ansiosos por palco e acção mas os aplausos ou impactos não são os desejados, mais aconselhável por isso fazer o que tem de ser feito, não de uma forma ou com base em valores tradicionais mas sim fazendo a diferença. É um grande trígono de Fogo entre a Lua em Carneiro, Júpiter em Sagitário e Mercúrio Sol e Vénus em Leão que puxa para a acção, visibilidade, dramatismo cujo resultado é restringido por um sesquiquadrado de Vénus a Saturno em Capricórnio. Em simultâneo, a indicar o caminho, temos um biquintil de Vénus a Plutão em Capricórnio e o trígono de Marte em Virgem a Urano em Touro que se prolonga durante uma semana. Assim, parece que os bons resultados vêm de aplicarmos o entusiasmo a motivos concretos, úteis, com métodos ou investimentos diferentes do habitual mas que não deixem de nos fazer sentir que estamos a criar a segurança e conforto sonhados para nós próprios e para quem amamos, com o Nódulo Norte em Caranguejo em trígono a Neptuno em Peixes. Se já é criativo, inove no detalhe!