É com a sensibilidade à flor da pele que hoje temos de debater o que melhor serve os nossos interesses, indo ao fundo das questões e procurando, apesar da passionalidade de que tudo se reveste, tentar ter sentido prático e antever o que será válido a longo prazo. A Lua em  Peixes ao longo do dia faz trígono a Vénus e a Mercúrio em Escorpião o que favorece a comunicação sensível sobre questões duras de poder e controlo que, como o Sol regido por Vénus está em Balança, versam a busca de equilíbrios nas relações, como celebramos acordos – ou não- e a justa medida entre o que damos e o que recebemos. Marte também em Balança em quincúncio a Urano em Touro assinala a tensão e dificuldade de afirmar novos valores nessa negociação entre as partes e como também são regidos por Vénus e esta está no signo mais intenso do zodíaco, o Escorpião temos mesmo de estar preparados para virar passionalmente com todo o processo e o desejo de controlo das situações. A Lua também vai fazer conjunção a Neptuno e sextil a Saturno e a Plutão em Capricórnio e é aqui que entra a possibilidade de não perdermos a cabeça nem irmos atras de fantasias ou paixões mas sim tentarmos dar forma ao que sonhamos ser o ideal e com essa forma conseguimos transformar os equilibrios negociais e as estruturas em que estamos inseridos. O pragmatismo, seriedade e sentido do longo prazo salvam um dia em que as emoções correm alto.