Energia para a Semana 10-17/1/21:XII O DEPENDURADO

Por Clara Days:

Palavras-chave: suspensão; entrega; sacrifício; transcendênciaÉ a vivência do paradoxo: fico suspenso para poder mudar, parado para poder encontrar a saída.

Quando o problema com que lido ultrapassa a minha pessoa e valores mais altos se levantam, aceito o sacrifício para que o que precisa de acontecer aconteça e o futuro possa ser mais risonho.Assim todos nós, neste momento. Assim todos nós parados, confinados, suspensos, em espera e procurando encontrar confiança nos avanços da ciência, na dedicação dos que cuidam, no comando de quem governa. Pagamos o preço de procurar alcançar o bem maior da saúde para os outros, para nós também. Imobilizados, mas capazes de fazer uma viagem interior de procura de novas soluções para as nossas vidas.

O tempo é um desafio tremendo, neste momento. Com o alastramento da pandemia e das convulsões dela decorrentes, bem como outros acontecimentos sociais ou naturais disruptivos que desconstroem o sentido do viver colectivo, chegou-se a este momento em que cada um deve esperar, usando a energia do Dependurado para tentar atingir a transcendência. Por muito estranho que pareça, a solução parece ser aceitar o sacrifício da imobilidade individual como uma passagem necessária, um estado de transição que me permita a metamorfose da transcendência.

Fico suspenso e com isso me elevo acima das circunstâncias, não para fugir delas, mas para poder vê-las com um olhar diferente que me mostre novas abordagens, pontas por onde pegar, formas de ultrapassar.É um tempo de transição, em que aparentemente me rendo, mas intimamente me liberto da pressão da resposta rápida. Estou à espera de melhores dias, de novas condições, de ventos e marés favoráveis, enquanto tenho todo o tempo para pensar, em liberdade plena. “Nada apaga a luz que vive num amor, num pensamento, porque é livre como o vento”, assim diz a canção. Na minha imobilidade há movimento intrínseco, invisível, criativo. Dependurado, de pernas para o ar, nesta prisão incómoda e dolorosa, mas temporária, posso imaginar tudo, antever tudo, preparar tudo.

Cada um de nós pendurado na Árvore da Vida, num casulo, a permitir metamorfose. Cada um de nós lagarta a sonhar os voos da borboleta. Cada um à espera do tempo novo para nos abraçarmos outra vez. Quando esse dia chegar, nada voltará a ser como antes: estaremos transformados, renovados.

Imagem : Ilustração para um futuro baralho, Nicole Caggiano, 2012

One thought on “Energia para a Semana 10-17/1/21:XII O DEPENDURADO

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: