Hoje é dia de Lua Cheia com o Sol em Capricórnio com sinais fortíssimos de que temos de nos organizar de forma diferente em casa, no trabalho, em sociedade, sem medo de largar amarras, rotinas, objectos ou seguranças emocionais do passado para darmos lugar a uma nova ordem baseada na nossa capacidade de iniciativa, equilibrada nas relações com os outros. Tudo isto se faz com bom sentido de prioridades e objectivos a longo prazo graças ao trígono de Saturno em Sagitário a Urano em Carneiro ligados a Júpiter em Balança por um sextil e uma oposição enquanto a Lua em Caranguejo e o Sol opostos fazem quadratura a Urano e a Júpiter, com Plutão também envolvido por estar conjunto ao Sol. É uma Lua cheia muito intensa que pede que nos preparemos conscientemente para o que está para vir de forma a resolver velhas feridas, assuntos pendentes, carências ou traumas que sentimos na pele com a quadratura de Saturno e Quíron em Peixes que está em sextil ao Sol e trígono à Lua Cheia. Como é que nos organizamos? Com um máximo de sentido prático, ideais de serviço e a mente pronta para dar nova forma à forma de gerir assuntos e estruturas graças a Mercúrio agora directo a regressar a Capricórnio e a reger o Nódulo Norte em Virgem. Apesar das tensões entre a dependência e a responsabilidade, a iniciativa própria e a concertação, a necessidade de mudar e o medo de perder, Vénus conjunta a Neptuno em Peixes dá óculos cor-de-rosa para lidar com as dificuldades ou o idealismo para guiar as decisões inevitáveis.

astro_w2gw_28_carta_do_dia-60472-17930

Anúncios