Os testes ou resistências à satisfação do que o que o coração pede vão, a partir de agora, tornar-se mais leves, a frustração menor, os custos os consequências mais fáceis de suportar e a capacidade de entrega e generosidade dominam os impulsos nas relações. Vénus planeta do amor, do dinheiro, da segurança material, das boas relações, bom gosto e justiça entra directa em Peixes onde exalta o idealismo, romance, empatia, amor incondicional, todos as expressões clássicas  do planeta do coração a navegar as águas sensíveis dos Peixes. Ao entrar directa, Vénus não só escapa à quadratura a Saturno em Sagitário que já sofreu na terceira semana de Janeiro e na semana que agora termina, como escapa também à conjunção a Quíron em Peixes, em efeito nos mesmos tempos. Estes aspectos de Vénus puseram o dedo em feridas antigas de amor ou dádiva enquanto a generosidade e a fantasia de relações ideais foram chamadas á realidade. Tudo isso esfria as emoções: com Saturno  em Sagitário tivemos de repensar as ideias que nos guiam, até onde podemos ir encontrar um novo equilíbrio entre o que se dá e o que se recebe,  numa reformulação estimulada ainda pela oposição de Júpiter em Balança – que Vénus rege – a Sol e Urano em Carneiro, com Marte seu regente em Touro, signo também regido por Vénus. Percebemos que para dar a mão é preciso fechá-la e quais os valores que, na realidade, conscientemente, podemos defender através de novas iniciativas. Sentimos todas as dificuldades de um processo de mudança e corte de espontaneidade mas a partir de hoje, com Vénus directa  estamos mais leves para passar à fase seguinte do processo. Com Mercúrio, Júpiter e Saturno retrógrados, ainda demora começar a ver resultados, mas os meios e os modos a partir de agora são outros. A Lua em Sagitário, todo o fim de semana leva-nos por novos caminhos, viagens do corpo e do espírito, abrindo no sábado novos horizontes nas relações pelo sextil a Júpiter em Balança e no domingo, incitando à diferença, inovação, aventura pelo trígono a Sol e Urano em Carneiro, mas com a cabeça fria, consciente dos limites e responsabilidades, pela conjunção ao Sol e aspectos a Quíron e Vénus. Um bom fim de semana para abrir o coração e definir as próximas prioridades sobre onde, como e quanto nos devemos investir.

Pintura “Hands Up. Fists Up.” por AnaYelsi Velasco-Sanchez

Anúncios