Este fim-de-semana é para nos abrirmos ao mundo e há muitas maneiras de o fazer. Podemos interessar-nos pelo que se passa perto ou longe, por ideias inovadoras, descobrir novos grupos com que partilhar projetos, sentir que o que é distante também nos é próximo e vamos ter essa oportunidade através de contactos, relações, encontros cujo potencial  de partilha não nos impede  de manter o sentido de identidade. A Lua está sábado e domingo em Aquário, regida por Urano em Carneiro, oposto a Júpiter em Balança  ao qual a Lua fará um trígono de domingo para segunda, como se nos preparássemos durante o fim de semana para os benefícios a colher mais tarde dessa abertura e contactos ao novo, com estrangeiro, a acordos promissores de horizontes mais vastos. Ao entrar em Aquário no sábado a Lua faz trígono ao Sol e Mercúrio recém -entrado em Balança, numa promessa de diálogo e procura de paz  futura, feito o perdão com o fim da oposição de Mercúrio a Quíron em Peixes. Com esta aposta em mundos e realidades melhores, o trígono de Marte em Virgem a Plutão em Capricórnio vai permitir mover montanhas sem deixar escapar pedra alguma porque não chegam as boas ideias ou fantásticas relações, é preciso também fazer com que as coisas aconteçam. Agora é possível e não estamos sozinhos! Bom fim-de-semana!!

Composição de Milano Chow, Frame (Double Column), 2017 para o Frieze Art Fair de NY, 2017

Anúncios