Neste Dia dos Namorados parecem ser mais as preocupações sociais do que pessoais e estas estão igualmente sob fortes tensões. Aceitar a realidade e enquadrar as emoções, respeitando pequenos e grandes gestos de demonstração amorosa ajuda a preparar o eclipse de amanhã em que entramos numa nova fase de relacionamentos individuais e colectivos. Hoje, com a Lua em Aquário em sextil a Marte em Sagitário queremos que todos oiçam o que pensamos e o que queremos inovar. Vénus em Peixes em semi-quadratura a Plutão em Capricórnio e sextil a Saturno também em Capricórnio mostra-nos como é impossível mudar o que quer que seja sem que haja respeito por valores duradouros e por um programa a longo prazo. Ou seja, neste dia do Amor é preciso provar a sua validade com gestos sólidos apesar do mais fácil ser a comunicação através das redes sociais com Sol e Mercúrio em Aquário em sextil a Urano em Carneiro.  A tendência hoje é para nos virarmos para o que é actividade social mas o semi-sextil do Sol a Quíron em Peixe lembra-nos que o contentamento só vem se estivermos mais conscientes e dedicados a sarar feridas de amor- as nossas e as dos outros. A leviandade hoje não compensa.

 

Anúncios