Um grande optimismo pode tomar conta de nós hoje ou ser com grande exagero e excesso de palavras que apresentamos o nosso caso e seria bom tentar conciliar uma abordagem positiva com uma gestão controlada. A Lua está em Sagitário onde depois de fazer oposição a Marte faz pelo início da tarde conjunção a Júpiter, em semi-sextil a Saturno e a Plutão em Capricórnio, antes de entrar, à noite em Capricórnio de onde faz trígono a Urano e ao Sol em Touro. Assim, o empenho e razoabilidade que pusermos hoje nos nossos projectos é o investimento que permite amanhã sermos mais ambiciosos porque temos uma visão diferente de que é preciso valorizar. Mais do que entusiasmo, o ideal com a conjunção da Lua a Júpiter em Sagitário ser termos a capacidade de estudar mais, abrir mais horizontes. perspectivas, ter mais conhecimentos para aplicar a posteriori.  O facto é que não podemos mesmo ir apenas atrás do desejo ou impulsos porque Vénus conjunto ao Quíron e a Mercúrio em Carneiro, com Marte seu regente em Gémeos em quadratura a Neptuno não deixam. Há dores que se re-acendem e o que dizemos pode não ser bem acolhido ou parecer confuso. Só podemos ir numa direcção que é a da construção de novas bases de segurança, mas têm mesmo de ser novas, com o Nódulo Sul conjunto a Saturno e Urano conjunto ao Sol em Touro a abalar razões e rotinas. Há um propósito, tem de haver elaboração, e liberdade para avaliar terceiras vias.