É preciso hoje compaixão e generosidade para cuidarmos dos outros mas também de nós próprios e para reconstruir o que desmoronou ou falta repôr.  Continuamos com o Nódulo Norte em Caranguejo oposto a Plutão e a Saturno em Capricórnio o que dá como pano de fundo a necessidade de criamos novas bases de apoio emocional, novos laços familiares, novas estruturas em casa, ou na política. Com a Lua –  que rege o Nódulo Norte-  hoje em trânsito em Peixes em sextil ao Sol e a Urano em Touro, temos a oportunidade de, com vontade consciente e instinto em harmonia,  dar um sentido palpável e diferente à nossa lógica, desejo e carência de acção- Mercúrio, Vénus e Quíron em Carneiro. Os cuidados a ter passam pela contenção boa escolha das palavras: Marte em Gémeos em quadratura a Neptuno, sextil a Mercúrio e quincúncio a Saturno e Plutão não traz boas consequências se não houver controlo verbal. No fundo o que temos de fazer hoje e nos próximos meses passa por uma grande reflexão sobre o que queremos construir como futuro, que casa, que país, que empresa, que estruturas em que apoiar cada desígnio pessoal e colectivo. Saturno e Plutão estão retrógrados e essa reflexão que exigem. Quando fizerem conjunção em Janeiro do proximo ano, o nosso mundo e o mundo que nos rege será certamente diferente- tanto melhor quanto melhor trabalharmos interiormente as mudanças que o tempo exige.