Este é bom fim-de-semana para nos ocuparmos com amor e dedicação às coisas íntimas e domésticas, casa, família e segurança emocional e fazê-lo com harmonia entre vontade e sensibilidade,  abertos a valores ou investimentos novos. Estão em Água o Sol em Caranguejo em trígono à Lua em Peixes que no domingo faz conjunção a Neptuno e trígono ao Nódulo Norte, Marte e Mercúrio também em Caranguejo.  Vénus em Gémeos em oposição tanto sábado como domingo a Júpiter em Sagitário facilita contactos, encontros, comunicação e festa mas o objectivo tem de ser o de nos reencontramos com o que no mais íntimo nos tranquiliza e dá sentido à vida. É para o futuro que temos de olhar, em nome do futuro que temos de abandonar uma velha ordem e a construção e sucesso da nova depende muito da flexibilidade e sentido prático com que abordarmos a transição. Neste fim–de-semana temos de honrar as nossas emoções mas também temos de as aplicar em qualquer coisa de concreto, tendo em vista o amanhã.