Energias para a Semana 7-14/11/21: O MAGO I E A IMPERATRIZ III

Por Clara Days:

Ideias-chave: sentir, ser, fazer acontecer; de bem com o corpo, transformando à volta; do sentimento à criatividade prática.

O que posso fazer no mundo? Como estou no mundo? São estas as principais questões que o Mago e a Imperatriz nos querem hoje colocar. Ele é mental, atento e interventivo, capaz de inventar e concretizar soluções para os problemas que enfrenta. Ela é sensível e doce, conectada com o corpo e a natureza, essencialmente instintiva. Juntos, unem qualidades que a tradição associa aos princípios masculino e feminino, para acompanhar a nossa semana.

Uma coisa é certa: está tudo muito centrado no Eu. Estes são arcanos de começo de jornada, de descoberta pessoal, quando o viajante precisa de se encontrar, de medir as suas possibilidades, de estudar como se enquadra no todo. Mas as qualidades que aqui lhe são inspiradas remetem para territórios simétricos, um mais íntimo e físico, com a Imperatriz-Mãe, o outro mais criativo e activo, com o Mago. Serão antagónicos, compatíveis, complementares? São as três coisas, e depende de nós desenvolver mais um sentido ou outro das suas inter-relações. A Imperatriz liga-me ao concreto pelo lado do corpo e é essencialmente não-intelectual. Ela é do ser, do sentir, do bem-estar, transmitindo calor, como uma Mãe. Está ligada a tudo o que vive, que toma sob sua protecção, com receptividade e tolerância. Já o Mago está essencialmente virado para o mundo dos objectos, usando a sua inteligência prática para inventar soluções novas, com raciocínio rápido e sentido de improviso. É ainda comunicador e mensageiro.

Quanto de mim é Imperatriz, quanto de mim é Mago? Todos temos um pouco de ambos, de que modo vamos apelar a eles esta semana? Comecemos pelo que é mais simples e primário: estejamos atentos ao nosso corpo, respeitemo-lo e cuidemo-lo. Procuremos bem-estar nas coisas elementares e simples que nos ligam à natureza, para garantir equilíbrio ao longo dos dias. Arranjemos tempo para nós, para um centramento físico pacificador. Mas a vida traz-nos desafios concretos e aí tentemos activar o Mago: ele usa a inteligência para resolver as coisas, não apenas para pensar soluções. Um poder que não se manifesta não é poder, diz o Mago. Tentemos então solucionar na prática, usando a criatividade para inventar respostas concretas para aquilo que podemos melhorar. Temos o 1 e o 3, dois arcanos de começo, que nos dão ferramentas de sobrevivência de sentidos diferentes. Estamos no reino do que é pessoal e se quer afirmar. Do ser e estar ao fazer e transformar pode não ir uma grande distância, se formos sensíveis e habilidosos. Está ao nosso alcance, há que aproveitar estas energias benfazejas…

Imagem 1: Animism Tarot, de Joanna Cheung, 2011

Clara Days

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: