Energias para a Semana 5-12/12/21: A SACERDOTISA II E O IMPERADOR IV

Por Clara Days:

Ideias-chave: sonho e realidade; intuição e senso comum; subconsciente versus vida social

O par não poderia ser mais contraditório: enquanto a Sacerdotisa nos leva para dentro de nós, para o mundo interior onde o sonho e a fantasia imperam, quando a realidade se torna apenas um eco íntimo e pessoal, o Imperador pede estrutura e ordem na vida comum, regulando pela lei e organizando tudo, sem espaço para devaneios ou surpresas. Assim, estaremos esta semana como que a funcionar em dois planos, talvez apenas simultâneos, talvez em confronto.

Do que a tradição define como “feminino”, tem a Sacerdotisa o lado espiritual / intuitivo: as palavras que se não dizem, os anseios que se exprimem simbolicamente, a quietude da prece ou da meditação. Já o Imperador é “masculino”: activo, materialista, toma o comando na definição de regras e na estruturação do que fazemos, de como interagimos com a realidade externa e com os outros. Como viver, ao mesmo tempo, com as energias de ambos, sem que uma entre em chique com a outra?

É possível que esta contradição se manifeste em cada um de nós, trazendo oscilações de humor ou de comportamento. O Imperador tende a querer dominar, por ser essa a sua índole.  Será preciso ter muita maturidade para conseguir compatibilizar duas tendências opostas, quando a vida social de impõe à vida íntima, limitando-me a liberdade de estar a sós com a minha alma e de a deixar fluir. 

Para me manter intimamente em equilíbrio, precisarei de encontrar tempo para uma solidão pacificadora, para a meditação e o silêncio. O segredo será esse: se não me der a mim mesmo o espaço interior de que o meu espírito necessita, a vida comum será afectada.

No que toca ao que farei, a como estarei perante os outros, é tempo de organizar, de procurar estabilidade.  O Imperador diz que, sem ordem, não poderá haver progresso, e provavelmente o progresso será controlado, medido, racionalizado. A casa tem de ser arrumada, a vida tem que seguir de um modo mais estável, razoável, sem margens para dúvidas ou incertezas.

Assim, navegarei entre dois mundos, na semana que agora entra. Sentir-me-ei tracionado em direcções opostas, para a intervenção no mundo exterior e para a busca do sossego interno. Não será fácil compatibilizar estas duas tendências, mas o meu equilíbrio pessoal depende disso. É esse o desafio…

Imagem : The Fountain Tarot, de Jonathan Saiz, 2014

Clara Days

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: